Desenvolvimento web

Desenvolvimento de site por R$150,00/Mês

Desenvolvimento Web responsivo com Melhor Custo-beneficio

Planos de desenvolvimento web com hospedagem Gratís
Arquivo de négocios | LCF HOST

Tag: négocios


10 dicas que desenvolvedores web iniciantes devem saber

Conheça 10 dicas que desenvolvedores web iniciantes devem saber para começar e/ou continuar suas carreiras

Se você é um desenvolvedor iniciante, pode ser confuso sobre onde você deve começar no mundo do desenvolvimento web, já que o ramo é amplo e oferece muitas opções de escolha. Há muitas perguntas a serem feitas, tais como “Que linguagem de programação quero aprender?” ou “Eu deveria saber sobre front-end ou apenas back-end?”, e existem, literalmente, centenas de outras.

Mas, para que você não fique tão perdido, esta lista com 10 dicas que desenvolvedores web iniciantes devem saber realmente pode ajudá-lo a iniciar sua carreira como desenvolvedor ou, caso já tenha começado, servir de norte para a continuação dos caminhos a serem trilhados.

Decida quais habilidades você quer

Ao iniciar na carreira de desenvolvedor web, você realmente precisa se concentrar em alguma coisa e aceitar o fato de que não é possível ser um “generalista” — ou, como a garotada hoje em dia prefere chamar, um desenvolvedor full stack.

Acredite: mesmo dando muita vontade de atuar em vários e vários ramos do desenvolvimento web, isso é impossível para quem está começando. Afinal, é preciso saber atuar em várias frentes para ser um “full stack” e, quando se está começando, mal se tem o conhecimento para uma só. Faz sentido, certo?

Não há nada de errado em querer em ser excelente em vários campos, mas você realmente não poderá fazer isso no começo. O que você pode fazer é centrar seus esforços no aprendizado em uma habilidade e se tornar um perito nesse campo.

Pode ser PHP, Ruby, C#, etc., mas tem que ser bom no que faz. Depois de dominar um deles, você pode seguir em frente, mas não faça isso até que você tenha grande conhecimento nesse campo.

Não há nada de errado em querer em ser excelente em vários campos, mas você realmente não poderá fazer isso no começo.

Esta dica também é bom para front-end designers, que sempre começam com HTML e CSS, depois passam para JavaScript, muito comumente se especializando em frameworks, Node, ou quaisquer outros que estiverem interessados.

Claro, é possível aprender HTML e CSS ao mesmo tempo, mas isso é porque eles meio que trabalham em conjunto. Você não pode realmente dominar PHP e Ruby ao mesmo tempo — a menos que você gaste 20 horas de estudos por dia, o que, definitivamente, não é recomendado –, portanto, para quem possui QI abaixo de 130, o recomendado é adquirir as habilidades uma a uma.

Mas, já que você é um novato e, provavelmente, não deve saber muito sobre linguagens de programação hardcore, escolher uma área para começar pode ser complicado, mas há uma solução: pense no que você quiser desenvolver: se for temas para WordPress, então seu caminho é o PHP; se for sistemas de gestão personalizados, tente ASP.NET; jogos de iPhone, aprender Swift e assim por diante.

Aprenda direito

Outra dica para novatos é, independentemente da linguagem que você escolher, aprenda direito! Se você aprender HTML codificando layouts com tabelas, isso não é nada certo. Codificar usando os mais recentes padrões da web parece inútil para alguns, mas é realmente importante e é altamente recomendado a aprender assim, já que será mais fácil e fará mais sentido ante o cenário atual de desenvolvimento web.

Além do mais, inevitavelmente a situação de ter que pegar o código de alguém para compreender e/ou passar seu próprio código para ser compreendido acontecerá; quanto mais ambos estiverem alinhados com técnicas modernas de desenvolvimento, melhor será para todos.

Google é o seu melhor amigo

Realmente não importa que tipo de problema (relacionado a webdev) apareça, certamente o Google pode mostrar a direção certa para resolvê-lo.

Fóruns de programação são altamente recomendados também, mas, antes de postar uma pergunta em algum fórum, tente buscar uma solução no Google porque, na maioria das vezes, você vai encontrar uma resposta para sua pergunta — ou, pelo menos, uma resposta que irá guiá-lo para resolver a questão.

Analise o código alheio

Pegando o exemplo da área de front-end, às vezes, desenvolvedores têm conhecimentos de design de front-end e fazem seus próprios layouts antes de começar a codificá-los. É importante olhar outros sites para entender como eles são codificados. Se você gosta de algum estilo ou elemento de um site, olhe para o código fonte e o analise!

Atualmente, é praticamente considerado uma insanidade trabalhar com front-end sem usar a DevTools do Chrome. Antes de ela servir para ajudar no trabalho do dia-a-dia, certamente pode servir para ajudar a entender códigos de terceiros.

Entre numa rede de conhecimentos

Outra coisa importante é participar de uma rede dentro de seu campo de conhecimento. Nunca é demais conhecer outros desenvolvedores/designers. É muito interessante (e até gratificante) ter discussões sadias e trocas de informações/ajuda com pessoas da mesma área. Você pode até colaborar com seu colegas desenvolvedores em projetos maiores, já pensou?

Você está perto de conseguir um projeto mas não tem certeza se você pode lidar com o tipo de trabalho solicitado? Recomende um de seus colegas desenvolvedores! Ele(s) provavelmente irá(ão) executar o trabalho melhor do que você — se for(em) especialista(s) nessa área específica — e você pode fechar algum tipo de parceria em algum momento futuro.

Faça parte de uma rede e a mantenha ativa e sempre por perto. Há sempre a demanda por um desenvolvedor que esteja “ao redor”. Há um discussão interessante no GitHub sobre como encontrar projetos open source para colaborar que certamente vai ajudar bastante.

Entenda os designers

É altamente recomendado compreender designers, caso não tem ideia de como eles trabalham. E isso vale tanto para designers gráficos quanto para front-end designers.

É sempre bom para aprender como eles trabalham e porque eles podem entregar páginas estáticas que realmente não correspondem aos mais recentes padrões da web. Aprenda a conversar com eles e explicar o que está errado e saber pedir para corrigir seus próprios erros. Dessa forma, sua relação de trabalho será mais próxima e o resultado bem melhor.

Não se surpreenda, mas é até indicado que desenvolvedores devem participar do processo de design!

Use ferramentas profissionais

Apesar de HTML, CSS e JavaScript poderem ser feitos até com o Bloco de Notas, isso não é recomendado. E, se isso não é recomendado para front, é igualmente desaconselhado para back. Trabalhe com editores/IDEs profissionais/robustos. Use o que os profissionais usam, caso contrário você não será um deles!

Esse tipo de ferramenta verifica erros, tem autocomplete e dá sugestões durante a codificação. Há uma razão pela qual PhpStorm, VSCode, Neovim, Eclipse, NetBeans e outros são muito usados em todo o mundo: eles ajudam a fazer o trabalho e o fazem em grande estilo!

Deixe as coisas legais por último

Cada linguagem tem a sua própria “versão cool”. Por exemplo, HTML tem HTML5, CSS tem CSS3, JavaScript e AJAX tem jQuery/Zepto e assim por diante. É muito melhor se você aprender a linguagem básica e depois estudar mais até chegar no estágio cool.

Também, as coisas “cool” trabalham a partir dos elementos básicos, então você não será capaz de desenvolver e entender um controle deslizante com jQuery se você não compreender o JavaScript básico.

Mantenha-se informado e atualizado

É sempre bom se manter informado e atualizado sobre o que está acontecendo no mundo do desenvolvimento web, em especial da(s) área(s) que você atua. Você pode fazer isso através da leitura de feeds, livros “de verdade”, blogs, fóruns e screencasts. Fique atualizado e certifique-se de que você é um dos primeiros a oferecer produtos desenvolvidos com a tecnologia mais recente.

No começo, pode não funcionar muito (as pessoas podem querer manter o “velho” até que as novas tecnologias mostrem seu valor), mas, certamente, também há aquelas pessoas que querem ter um produto totalmente novo, desenvolvido com as mais recentes tecnologias — e isto lhe dará uma vantagem e fará você conhecido no ramo.

Não é surpresa para ninguém do ramo que os melhores e mais recentes conteúdos e tutoriais estão em inglês. Então comece a puxar da memória todas aquelas aulas sobre o verbo “to be” ou fixe uma aba do Google Tradutor no seu navegador, porque você vai precisar.

Continue com o processo de aprendizagem

Depois de se tornar um especialista no campo que escolheu, trilhe seu caminho rumo ao aprendizado de outras linguagens e/ou áreas de atuação. Fique de olho aberto nas linguagens mais importantes e aprenda aquelas que julgar serem as mais interessantes. Quando você domina duas, vá para a terceira e assim por diante.

E continue até que não haja muito mais para aprender dentro do que você escolheu. Acredite, compartimentar os estudos para não ficar sobrecarregado é o caminho.

Conclusão

É bastante comum que desenvolvedores iniciantes passem por tempos difíceis neste campo profundo do desenvolvimento web, mas estas dicas servem justamente para ajudar que cada um encontre seu caminho.

Nem sequer importa muito por onde começar, tudo o que importa é começar! Isso geralmente é o que leva mais tempo, então não desperdice estes dias preciosos e comece agora a estudar e a desenvolver a web!

Para ajudar, veste este (não tão recente, mas até que útil) vídeo sobre uma técnica de estudos que pode ajudar a não perder a sanidade ante tudo isso que queremos aprender sobre tecnologia:


Uma nova ferramenta para adicionar recursos do Facebook ao seu site

Boas notícias para o empresário das redes sociais: o Facebook facilitou a integração de suas funções sociais em muitos sites. O gigante da mídia social baseado em Menlo Park lançou seu próprio plug-in pré-fabricado para o popular site e ferramenta de blogs , o WordPress.

Com o novo plug-in, chamado Facebook para WordPress , os proprietários de sites podem adicionar botões Like, Subscribe, Send e Recomendações facilmente em páginas não só, mas também em álbuns de fotos e lojas online – adicionando opções adicionais de compartilhamento e engajamento. Uma função chamada Social Publisher publica automaticamente novos conteúdos em um site de volta para a página do Facebook da empresa. Existem também funções Insights, que acompanham a quantidade de atividade que ocorre.

Ao ser apelidado de “o oficial” plug-in do Facebook para o WordPress, esta ferramenta entra em um campo lotado de complementos do Facebook, incluindo o Facebook Connect , o Facebook Tab Manager e os membros do Facebook .

Aqui estão quatro razões pelas quais um negócio pode considerar a integração de recursos do Facebook em sua experiência online:

1. É fácil de adicionar. 
Os sites que funcionam no WordPress devem encontrar o plug-in simples de baixar e configurar a partir dos painéis de controle do WordPress. As opções incluem cor, tamanho e escolha as páginas para colocar links no Facebook.

Para sites que não usam o WordPress, você ainda pode adicionar muitos desses recursos ao seu site. Visite os desenvolvedores.Facebook.com e escolha entre opções semelhantes. O Facebook fornecerá algumas linhas de código para copiar e colar nas ferramentas de edição nas páginas de controle de um site.

2. Obter novos “amigos”. 
Ao adicionar um botão “Curto” ou “Compartilhar” em uma página ou publicação, as empresas estão permitindo que clientes e visitantes compartilhem conteúdo facilmente em suas próprias paredes no Facebook. Esse recurso pode ajudar a espalhar a mensagem de uma empresa mais, mais rápido e ajuda as informações a serem virais.

Considere também usar o recurso de comentários do Facebook. Permite que as empresas evitem discriminadores anônimos e coloca nomes e rostos reais para comentários.

3. Acesse análises mais detalhadas. 
O recurso Insights do plug-in pode fornecer uma dimensão adicional às análises para empresas. As empresas já têm acesso aos dados de log da Web para quantas pessoas visitam seu site e de onde elas são. Mas com a Insights, as empresas podem dizer quantos visitantes realmente “gostam” de uma página.

Por exemplo, postar um álbum de fotos com 100 visualizações pode ser analisado adicionalmente, rastreando qual imagem obtém o máximo de “Likes”. Os dados que você coleciona da Insights podem ajudá-lo a melhorar o envolvimento do cliente com seu site.

4. Mantenha sua marca socialmente relevante. 
O plug-in torna tão simples quanto possível colocar um ícone bem conhecido, como o botão “Curtir” do Facebook na página da empresa. Com mais e mais clientes socialmente conscientes, isso pode ajudar a aumentar a credibilidade adicional em um site.


5 dicas para projetar seu site para atender cada cliente individualmente

Pesquisas atuais mostram que 40% dos consumidores compram mais de varejistas que personalizam sua experiência de compra em todos os canais. Além disso, quase três em cada quatro, ou 74 por cento, de consumidores online ficam frustrados com sites quando o conteúdo exibido não tem nada a ver com seus interesses. É claro que um site personalizado é uma vantagem para todos os comerciantes ou empresários que lideram um negócio de sucesso hoje.

A personalização do site leva em consideração que os usuários têm diferentes motivações, dispositivos, locais e restrições de tempo. Com a tecnologia atual, os comerciantes podem agora reunir informações específicas sobre o que um visitante do site está procurando e traduzir sua visita em uma conversão mais alta

“As organizações gastam dezenas ou centenas de milhares de dólares, e às vezes até milhões de dólares, para criar experiências dinâmicas dinâmicas na web”, explicou Itai Sadan, CEO e co-fundador da plataforma de criação de sites móveis DudaMobile . A empresa recentemente lançou no site que adiciona conteúdo web dinâmico com base no comportamento do cliente para criar experiências de visualização personalizadas.

“Ferramentas caras e esse tipo de personalização tradicionalmente requer um desenvolvimento e projeto substancial na web, e é por isso que estamos entusiasmados por ter preços acessíveis para essa indústria explosiva”, disse Sadan.

A personalização do site em uma escala de massa é realmente possível com o crescente número de opções de baixo custo disponíveis para os empresários hoje. Aqui estão cinco maneiras pelas quais os empresários podem começar a aumentar a conversão através da personalização básica do site:

1. A frequência do visitante deve determinar diferentes experiências do usuário.  Um visitante de um site pela primeira vez quase sempre estará procurando informações diferentes do que alguém que visita o site repetidamente.

David Reischer, diretor de marketing da LegalAdvice.com , sugere acompanhar cada usuário de forma diferente para dar experiências de usuário diferentes. “Utilizamos um cookie para rastrear um visitante que retorna para que possamos direcioná-los para a página mais adequada e relevante. Isso torna a navegação no site mais fácil para usuários repetidos “.

Para aumentar a conversão de visitantes pela primeira vez, inclua um número de telefone ou endereço comercial, um formulário de contato para capturar leads ou um tutorial de vídeo para explicar um produto ou serviço para um visitante pela primeira vez.

“Para visitantes frequentes, adicione um ponto para se inscrever para uma lista de endereços ou adicionar informações sobre novos produtos ou serviços”, sugere Sadan.

2. A localização geográfica ajuda a reunir o marketing online e offline.  A capacidade de saber onde alguém está no momento em que visitam um site é a mudança de jogo para os comerciantes.

“Online, podemos acompanhar a jornada de compra individual do nosso cliente, otimizando-a a cada passo”, explica Bart Heilbron, CEO e co-fundador da BlueConic , o sistema em tempo real de engajamento de clientes online. “No entanto, nunca fomos capazes de usar esses insights em nossa interação off-line. Com a localização geográfica, agora podemos fazer. ”

Se alguém está a poucos quarteirões de distância de uma empresa e procurando em um telefone celular, é provável que eles possam ser facilmente convertidos como clientes se eles veem um endereço e até um cupom que diz: “Entre hoje e descanse 20%”. restaurantes, um botão OpenTable para reservar uma tabela ou um aplicativo Google Map que fornece instruções passo a passo para o local da loja são críticos para a conversão.

3. Ajuste o conteúdo com base em determinados horários.  Alterar o conteúdo em um site com base na hora do dia, semana ou mesmo temporada também pode aumentar as conversões. Considere substituir um número de telefone disponível para os visitantes do site durante o horário comercial com um formulário de contato quando o negócio está fechado. Isso evitará perder os clientes potenciais que desejem entrar em contato fora do horário comercial.

“A capacidade de oferecer produtos diferentes ao longo de um dia com base em tendências, hábitos ou cultura direcionados aumentará as conversões”, disse o CEO da empresa de marketing na internet , WebiMax , Ken Wisnefski. “Por exemplo, um restaurante oferece um menu diferente ao longo do dia, quando eles mudam de almoço para jantar”.

4. Reconheça feriados e outros eventos especiais.  Esta é uma ótima maneira de personalizar um site e se conectar melhor com o sentimento de um cliente. Mude o tema para os corações durante o Dia dos Namorados ou adicione uma imagem de fogos de artifício durante o 4 de julho.

“Isso poderia ter um efeito positivo no engajamento do cliente e, por sua vez, conversão”, disse Sadan.

5. Capture a fonte do visitante para adaptar o conteúdo.  Conhecer a fonte de destino original que um visitante entrou em um site deve impactar significativamente o conteúdo na página de destino que eles vêem primeiro. Isso pode proporcionar uma experiência perfeita e consistente para o visitante.

De acordo com Sadan, “Os visitantes que chegam ao seu site a partir de uma campanha de marketing por e-mail ou como uma referência de outro site devem receber mensagens dedicadas que estão alinhadas com a mensagem que eles viram no e-mail ou no site de referência. Oferecer um cupom neste ponto também pode ser uma boa idéia “.


Os 11 pior pedaços de conselhos que você já ouviu (e o que fazer em vez disso)
O “2 centavos” de algumas pessoas deixa você com apenas isso.

Como instruções ruins, um conselho ruim pode orientá-lo fora da pista. Principais empresários e membros de The Oracles pesam sobre os piores conselhos que eles constantemente ouviram e o que fazer em vez disso.

Grant Cardone
Crédito da imagem: os oráculos

1. O sucesso é uma jornada, não um destino.

Quantas vezes você já ouviu a frase: “O sucesso é uma jornada, não um destino”? Por favor! O sucesso não é apenas uma “jornada”, é um estado sobre o qual você tem controle e responsabilidade. Nenhum clube da NFL conta a sua base de fãs que é a jornada que conta. Todo mundo sabe que é tudo sobre o anel: o Super Bowl. Um bombeiro que conduz um caminhão de bombeiros não está focado na jornada; Ele está focado em chegar ao fogo e colocá-lo fora.

Sua vida não é diferente. É o destino mais importante. As pessoas que dizem o contrário provavelmente correm um seminário ou tentam vender um livro. – Grant Cardone , especialista em vendas superior que construiu um império imobiliário de US $ 500 milhões e um autor de best-seller do NYT ; siga Grant no Facebook ou no YouTube

Tim Draper
Crédito da imagem: os oráculos

2. Recupere sua equipe.

Um conselho de consertos rápidos que ouço o tempo todo é: “acelerar sua equipe”. Na verdade, todo empresário deve manter seu time tão magro quanto possível até encontrar um produto forte ou um ajuste de mercado. Uma equipe maior não faz um melhor lucro.

Como mencionei no meu livro, Como ser o Startup Hero , uma vez que três grandes clientes estão pagando pelo seu serviço e estão dispostos a expandir sua compra, só então você pode “acelerar” o negócio. – Tim Draper , lendário VC, fundador da Draper Associates e DFJ

Michael Johnson
Crédito da imagem: os oráculos

3. Apenas seja positivo.

Na indústria do comportamento humano e otimização do potencial pessoal, as pessoas adoram dizer: “Apenas seja positivo”. Isso coloca as pessoas para um pesadelo de saúde mental! Ninguém é apenas positivo ou negativo; as pessoas mais bem sucedidas são equilibradas.

Se uma pessoa é excessivamente otimista, eles geralmente não consideram os riscos associados às suas ações ou aprendem através de tentativas e erros dolorosos. Muitos auto-proclamados “pensadores positivos” se espalha internamente por seus pensamentos negativos, ao mesmo tempo em que estabelecem expectativas irrealistas sobre se sentirem felizes ou pacíficas constantemente. É melhor ficar equilibrado: há uma hora e um lugar para todas as emoções. – Michael Johnson, “The Mojo Master”, palestrante e treinador de mentalidade para atletas profissionais e empresários de elite; siga Michael no Facebook

Michael Alden
Crédito da imagem: os oráculos

4. Siga o exagero.

Nova tecnologia gera exagero e desinformação. Recentemente, investei muito tempo e recursos em cryptocurrency. Eu estudei como se eu preparasse para o exame de bar. Ao analisar as tendências da corrente criptográfica, eu aprendi que você sempre deve fazer sua pesquisa. Não basta investir em algo porque seu amigo envia um texto dizendo: “Compre isso agora”. Atuar cegamente na histeria é uma receita para o desastre.

Em vez disso, faça perguntas. Leia sobre isso. Os bons empreendedores se adaptam e atuam rapidamente. Mas o melhor ato com informações confiáveis ​​para aumentar seus negócios e patrimônio líquido. Michael Alden , autor de best-seller e CEO daCloiXonné

Sharran Srivatsaa
Crédito da imagem: os oráculos

5. Não seja uma “aberração de controle”.

Todo empreendedor alto provavelmente foi criticado como um “freak de controle” em algum momento. No entanto, tendo em conta as inúmeras distrações diárias que os empresários encontram, se você quer fazer “um trabalho profundo” com um impacto abrangente, você tem de controlar o seu tempo para fazer cada dia uma obra-prima.

Meu “dia da obra-prima” é composto por seis categorias: comer, mover, dormir, trabalhar profundamente, servir e desenvolver pessoal. Cada categoria tem uma ação que eu posso realizar nesse dia, seja 30 minutos de exercício (mover) ou fazer uma chamada de inspiração 5am ​​Club (serviço). Para alcançar seu potencial, exerça controle sobre sua vida. – Sharran Srivatsaa , investidor-anjo e presidente da corretora (região ocidental) em Douglas Elliman; cresceu Teles Properties 10X em cinco anos

Steve Griggs
Crédito da imagem: os oráculos

6. Faça o que você ama e o dinheiro seguirá.

Durante anos, eu acreditei: “Faça o que você ama e o dinheiro vai seguir”. Eu perderia dinheiro em projetos e me dizia: “Não se preocupe, o dinheiro vai seguir”. Eu tive que desaprender esta lição do jeito difícil .

Em qualquer empreendimento, certifique-se de entender as finanças. Não se sinta culpado por fazer lucro. O lucro é a linha de vida de qualquer negócio. Em vez de apenas “fazer o que você ama”, eu digo, “seja justo, honesto e obtenha lucro”.

Outro conselho que eu ouvi dizer é “ficar sob o radar”. Não tenho certeza de como eu consegui isso embutido na minha cabeça; não faz sentido. Se as pessoas não o conhecem, elas não comprarão de você. – Steve Griggs , fundador e CEO da Steve Griggs Design ; O premier designer de paisagens da NYC transformou os quintais e os jardins do telhado em fugas privadas

Jared Goetz
Crédito da imagem: os oráculos

7. Sempre triturar.

Muitos empresários glorificam “o grind”. Não me interpretem mal: sou um grande proponente de trabalhar duro e fazer as coisas, mas acho que é tão importante, se não mais, ter equilíbrio.

Muitas vezes, os empresários ficam tão apanhados na moagem que não conseguem ver que o que eles estão trabalhando não os impulsiona. Trabalho inteligente. Concentre-se no seu bem-estar. Reserve tempo pessoal. Reflita. Estas práticas terão efeitos maciços e positivos sobre o seu sucesso. – Jared Goetz , empresário em série e especialista em comércio eletrônico; co-fundador de quatro empresas multimilionárias em cinco anos

John Hanna
Crédito da imagem: os oráculos

8. As decisões empresariais devem basear-se na lógica, e não nas emoções.

O conselho de fazer decisões comerciais lógicas soa racional, mas é falho. A neurociência provou que é impossível tomar decisões sem emoção. Todos entrámos em um campo de negócios armado com fatos, números e pesquisas independentes, pensando que nossa proposta é à prova de balas, apenas para receber um “No.” definitivo.

Isso porque a semente da motivação está no coração. Se você aplicar apenas lógica a negócios, você estará condenado a falhar porque a tomada de decisões é principalmente emocional. A paixão, a resistência e o zelo são impulsionados pelas emoções. Lógica, sabedoria e razão são ferramentas que a mente alavanca para que as decisões baseadas em emoções sejam bem-sucedidas. – John Hanna , autor de ” Way of the Wealthy ” e CEO doFairchild Group

Nafisé Nina Hodjat
Crédito da imagem: os oráculos

9. Seja um buldogue.

O pior conselho que recebi como advogado é: “Seja um buldogue”. Todos querem um advogado feroz e implacável. No entanto, um advogado de defesa criminal implacável e feroz sem uma estratégia holística só será efetivo em uma pequena porcentagem de casos.

Bruce Lee disse uma vez: “Seja como a água”. Resolvi muitos casos em favor dos meus clientes, adaptando a estratégia do caso e sendo aberto a abordagens não convencionais. Se sua única estratégia é ser bulldog no negócio, você vai sentir falta oportunidades para crescer e servir seus clientes de forma eficaz. -Nafisé Nina Hodjat, fundadora e advogada da Firma SLS

Shaun Rawls
Crédito da imagem: os oráculos

10. Fale até que você faça isso.

“Fake to till you make it” é uma estratégia de negócios em papel para novatos e um jogo de tolos para profissionais reais. Você nunca vai enganar aqueles que você quer conquistar, e você pode apenas prejudicar sua reputação em ascensão no processo.

Quanto ao “fazer”, o conhecimento é poder. Quanto mais você sabe, mais você cresce. Saiba tudo o que puder dos melhores líderes em sua indústria. Entrevistá-los; leve-os para o almoço; estudá-los. O melhor atalho para o sucesso é aprender com os melhores. Combine este conhecimento com autenticidade, e você terá uma proposição de valor única que o serve ao longo de sua carreira. – Shaun Rawls , empresário permanente, fundador e CEO da Rawls Consulting

Joe Kakaty
Crédito da imagem: os oráculos

11. Faça isso, como sempre, foi feito.

Os “especialistas” adoram pregar sobre como algo sempre foi feito. Seus métodos experimentados pelo tempo invariavelmente trabalhavam em “insert-mega-company-company-name-here”, e é por isso que ele vai funcionar para você. Mas apenas porque uma estratégia funcionou para uma grande marca corporativa não significa que ela funcionará em uma cultura inicial ou pode ser copiada para obter os mesmos resultados.

Se você está em uma indústria em rápida mudança como o negócio de mídia, sugiro recrutar uma mistura de especialistas experientes, bem como tipos de produtos em bruto, quebram o molde, que gostam de inovar. Quando resolver problemas, não fique preso em como algo já foi feito antes. Descubra o que funciona melhor para você. – Joe Kakaty , co-fundador e presidente da Poker Central

Siga The Oracles no Facebook .

 


5 IDEIAS DE NEGÓCIOS DIGITAIS PARA VOCÊ COMEÇAR DO ZERO

Quem não sonha em ter seu próprio negócio e faturar muito dinheiro sem sair de casa? E o melhor de tudo, sem ter que investir muito dinheiro. Muitos brasileiros sonham em deixar de ser assalariado, e os negócios digitais são uma ótima alternativa para tornar esse sonho, realidade.

Pois saiba que a internet oferece várias opções, basta você escolher o negócio que melhor se encaixa no seu perfil. Justamente por isso o meu objetivo no post de hoje é lhe apresentar algumas ideias de negócios online para te ajudar nessa escolha.

VEJA AGORA 5 IDEIAS DE NEGÓCIOS DIGITAIS PARA VOCÊ COMEÇAR DO ZERO

1 # Criação de Blogs

Atualmente esse é um dos negócios digitais mais rentáveis da internet. Você já deve ter visto vários blogueiros de sucesso que ganham muito dinheiro nesse meio. Quantas vezes você já se perguntou como eles conseguem faturar com uma página na internet?

Na verdade, o lucro está nos anúncios exibidos na página. Quando o usuário clica, o webmaster já está ganhando.

Além disso, hoje muitos blogueiros faturam alto promovendo produtos de outras empresas, marcas e até mesmo pessoas comuns, tudo isso através do Programa de Afiliados, conforme veremos mais a diante.

Mas o primeiro passo é buscar um nicho de mercado que seja rentável e que ao mesmo tempo lhe traga satisfação pessoal. Isso porque a motivação é muito importante para conseguir dar sequência as estratégias de marketing digital necessárias para gerar tráfego no blog e ter sucesso no mercado dos negócios online.

Quando falamos em marketing digital, é importante salientar que se trata de um processo que requer planejamento e tempo.

É fundamental que o nicho de sua escolha seja um tema que você tenha certo domínio ou interesse, para que assim essa experiência não seja monótona e cansativa, isso garante maior facilidade para tratar dos assuntos referentes ao blog.

Além disso, é preciso estudar muito o mercado e o público com quem você vai trabalhar no blog. Alguns empreendimentos digitais de sucesso tratam de temas referentes a dieta, fitness, culinária, beleza, negócios, etc.

2 # Criação de Vídeos para a internet

O primeiro passo para montar um bom vídeo é planejar e definir um assunto interessante e pesquisar seus detalhes. O conteúdo precisa ser original e relevante para atrair a atenção do público.

Organize a estrutura do vídeo como se fosse um roteiro de filme, com começo, meio e fim. O ideal é colocar tudo no papel para as ideias ficarem mais claras.

A criação de vídeos para a internet é um dos negócios digitais mais rentáveis atualmente, isso porque os internautas acessam diariamente milhões de vídeos no Youtube. Inclusive esse canal é o mais famoso para expor gravações.

Uma boa dica é ver outros vídeos que tratem do assunto que você deseja abordar.

Observe quais são os mais visualizados e se inspire. Pode ser vídeos engraçados, tutoriais, cursos, etc. Quanto mais criatividade e habilidade você tiver na criação de vídeos, melhor será o desempenho da sua publicação.

Realizar vídeos com imagens e áudio também é uma boa opção para prender a atenção dos visitantes.

Outra tendência em negócios pela internet é desenvolver vídeos institucionais animados para exibir produtos, uma teoria ou um conceito com criatividade e relevância. Para isso basta ter familiaridade com programas de animação para criar bons vídeos de divulgação.

 

3 # Comércio eletrônico

Mais uma ideia de negócios digitais é abrir uma loja virtual para vender algum produto pela internet.

Atualmente existem também Franquias Virtuais que permitem que você tenha o seu próprio negócio com um baixo investimento, como esta que eu fui franqueado e super recomendo Clicando Aqui.

Mas, caso você não pretenda correr o risco de investir em um empreendimento de alto nível, você pode abrir uma loja virtual de forma gratuita.

Primeiro, selecione os produtos que pretende comercializar e desenvolva um catálogo online. Organize as fotos e a descrição dos produtos para tornar a página mais completa e atraente aos usuários.

É essencial oferecer bastante dados sobre o produto e as maneiras de entrega. Seja específico ao determinar o conteúdo da loja para ganhar espaço nesse mercado de comércio eletrônico.

Assim como outros negócios online, trata-se de um mercado competitivo que exige estratégias bem definidas para o empreendedor conseguir alcançar seus objetivos em venda.

Lembre-se de estabelecer um planejamento para conseguir atingir suas metas. Acesse o site da LCF Host para saber mais sobre loja virtuais e Blogs desenvolvimento seguro e profissional clique aqui


Veja como funciona o aplicativo WhatsApp Business

Novo app pode ajudar empreendedores a gerenciar melhor a comunicação com clientes

São Paulo – O WhatsApp criou um aplicativo voltado exclusivamente para pequenas e médias empresas. Chamado WhatsApp Business, ele tem recursos extras para ajudar a vida dos empreendedores que atendem seus clientes pelo smartphone.

O app é como se fosse o resultado de um cruzamento do WhatsApp com o Slack, um mensageiro com recursos inteligentes. A interface amigável do WhatsApp é mais sóbria na sua versão para empresas, mas tudo segue simples como no aplicativo para consumidores finais. Testamos o novo aplicativo, confira o principais recursos dessa nova ferramenta de comunicação.

Mensagens rápidas

O recurso criado ao beber da fonte do Slack e outros apps (como o Telegram) é a automatização de mensagens. Você pode configurar atalhos, como “/obrigado” para criar textos de agradecimento que valorizem a sua companhia e reflitam seus valores, por exemplo.

Além das mensagens personalizáveis, também há mensagens para o período em que você estiver ausente e de apresentação.

Perfil

O perfil da sua empresa no WhatsApp Business é algo que você precisa preencher cuidadosamente. Ele é o cartão de visitas para diversos consumidores em potencial que chegarem a você por esse canal mobile de comunicação. É possível adicionar informações cruciais, como endereço, site oficial, segmento de atuação, e-mail e horário de trabalho.

Métricas

Um recurso interessante para viciados em métricas é o menu de estatísticas, encontrado na seção de configurações da sua empresa. Ele é bem básico, mas pode ser uma maneira de mensurar o uso da sua conta corporativa. Dá para ver dados sobre as mensagens enviadas, entregues, lidas e recebidas.

Etiquetas

Para facilitar a identificação de mensagens, tarefa cada vez mais difícil com o passar do tempo, o WhatsApp Business tem uma função de etiquetas. A ideia é usar marcadores como “pago”, “novo cliente”, “pagamento pendente”, etc. É possível também adicionar novas etiquetas. Para isso, basta abrir uma conversa, tocar no ícone do menu, no canto superior direito da interface e escolher a opção referente a adicionar novas etiquetas.


O que realmente impulsiona o crescimento das vendas e a repetição de negócios?
Dica: não é a capacidade de seus clientes potenciais de comprar, nem o quão grande é o seu produto ou serviço.

As opiniões expressas pelos contribuintes do Empreendedor são suas …
Alguma vez você já analisou o que realmente impulsiona as vendas no seu negócio? A maioria das pessoas atribui sua resposta ao marketing ou a novas ligações. Esses podem ser drivers, mas não o principal driver para pequenas empresas.

O que faz com que uma pessoa compre com você por anos, fazendo o possível para chegar até você, enquanto o cara do outro lado da rua não põe os pés na sua porta? Normalmente, quando faço essa pergunta, recebo comentários sobre o quão ótimo é o produto e o serviço. Quando pergunto por que o cara do outro lado da rua não vai usar você, eu costumo obter alguma explicação sobre falta de necessidade ou capacidade de compra.

Essas respostas podem ser verdadeiras, mas isso não faz nenhuma correção.

Passei os últimos sete anos estudando essas questões e procurando a verdade e a resposta correta. Surpreendentemente, a resposta certa é muito mais fácil de entender do que eu pensava que seria. Em vez de ter que se tornar um especialista no assunto, eu vou salvar você anos e dizer o que encontrei.

A verdade e a resposta correta.

Se você deseja impulsionar o crescimento das vendas e repetir os negócios, ele se resume a entender e implementar uma estratégia: o conteúdo cria relacionamentos, relacionamentos criam confiança e a confiança é igual a vendas. Pense nessa declaração por um minuto. É verdade na sua vida pessoal e comercial agora.

O conteúdo cria relacionamentos.

Desde o início do homem, como construímos relacionamentos? Criamos conteúdo. Se eu me encontrasse solteira amanhã e em uma data, eu trabalharia para construir um relacionamento com a pessoa com quem eu estava namorando falando com eles – ou seja, criando conteúdo.

Nas vendas de B2B por muitos anos, as pessoas criaram conteúdo tendo todo o conhecimento e revelando perspectivas de vendas sobre os grandes recursos e benefícios de máquinas novas e surpreendentes. Hoje, criamos conteúdo para nossos sites e e-books, bem como para downloads ou vídeos para publicar no YouTube.

Por que fazemos tudo isso? Simplificando, o conteúdo cria relacionamentos. E se o seu cliente procura comprar algo de valor significativo de você, primeiro você precisará de um relacionamento para fazer isso acontecer. Uma vez que temos um relacionamento, o que acontece?

Os relacionamentos criam confiança.

A maioria das pessoas não confia plenamente em alguém que acabou de conhecer, independentemente de ser um relacionamento comercial ou pessoal. A natureza humana é dar um pouco de confiança e ver se alguém vale a pena confiar mais. Em outras palavras, faça com que ganhem. É por isso que entregar, no mínimo, o que você disse que seria tão de vital importância.

Este é o lugar onde um bom serviço ao cliente, a pessoa que atende o telefone ou fica na recepção, pode fazer ou quebrar um novo relacionamento. À medida que a relação continua, mais e mais confiança é dada; e se a experiência permanecer positiva, a quantidade de confiança que você obtém cresce ainda mais. À medida que a confiança em você cresce, então o que acontece?

A confiança equivale às vendas.

Quanto mais uma pessoa confia em você, mais eles vão comprar de você.

Um pouco de boas notícias com toda a concorrência que está aparecendo é que é super fácil se destacar, porque existem muitas empresas mal administradas e pessoas não confiáveis ​​do mundo. Tudo o que você precisa fazer é fazer o que você diz que vai fazer quando diz que vai fazer isso. Além disso, trate as pessoas do jeito que você gostaria de ser tratado. Uma vez que tão poucos vão fazer isso, não é tão difícil se destacar do pacote.

Uma vez que uma pessoa tem um relacionamento com alguém, e eles sempre conseguem o que esperam, a mudança de pessoa ou empresa não é fácil ou mesmo desejável. Porque você deu um bom conteúdo, você criou um relacionamento. Através desse relacionamento você trabalhou duro e desenvolveu a confiança e agora, a confiança que você ganhou ganha dinheiro, ano após ano. Quando você tem 500; 1.000; 2.000; ou 5.000 desses relacionamentos confiantes, eles se tornam ativos de seu negócio incrível.

Se você me leu antes, você pode ter me ouvido dizer que você deve usar uma newsletter para construir uma cerca em torno de seus clientes. Eles ficarão mais tempo e gastarão mais. Bem, é disso que estou falando. Se eu tivesse sido mais sofisticado na minha compreensão de como tudo isso funciona há sete anos, eu teria mudado a palavra “boletins informativos” para “conteúdo”.

Eu digo às pessoas o tempo todo que um boletim informativo não é uma ferramenta mágica. Se alguém está lhe vendendo uma ferramenta de solução mágica, tudo-seu-problema, você deve correr muito longe e muito rápido. Um boletim informativo é simplesmente um veículo para distribuir conteúdo que cria relacionamentos. Ele nutre essas relações ao longo do tempo. Você deve respeitar o relacionamento e ganhar confiança ao entregar seus produtos ou serviços. Se você não, não pode, ou não vai fazer isso, você pode entregar todo o conteúdo e enviar todos os boletins, e simplesmente não importará um pouco.

Como implementar isso em sua empresa.

O desafio com qualquer idéia é a implementação. Com a maioria das idéias nos negócios, normalmente você tem quatro opções, e esta não é diferente.

Você pode fazer o seguinte:

  • Fazer nada. Isso é o que a maioria das pessoas faz, o que é uma boa notícia para você, porque também é o que a maioria dos seus concorrentes estão fazendo. Isso torna muito fácil se destacar.
  • Faça Você Mesmo. O conteúdo tem que ser criado, e talvez você seja a melhor pessoa para fazer isso agora em sua empresa.
  • Contrate um funcionário para fazer isso por você. Claro, você pode contratar e treinar uma pessoa de criação de conteúdo e terceirizar edição, design gráfico, etc.
  • Encontre uma empresa para ajudá-lo a implementar essa estratégia.

Independentemente da sua decisão, se você quiser crescer verdadeiramente, ou se você quiser vencer o competidor pela rua, ou se quiser aumentar o valor da sua empresa, ele começa com esta estratégia: o conteúdo cria relacionamentos, relacionamentos criam confiança, e a confiança é igual a vendas

Isso deixa você com uma coisa ao terminar este artigo: olhe para as quatro opções e faça uma escolha.


7 maneiras de otimizar seu site WordPress

O WordPress é considerado uma excelente plataforma para empresários em desenvolvimento para criar sites para sua inicialização ou pequenas empresas. Este serviço de gerenciamento de conteúdo (CMS) é usado por milhões de empresários que vivem em todos os cantos do mundo. Mais de 400 milhões de sites em todo o mundo são alimentados por WordPress, incluindo mais de 100 milhões nos Estados Unidos. Os sites WordPress em todo o mundo publicam publicações a cada 17 segundos . A maioria dos mais de um milhão de sites no mundo são alimentados por WordPress e relacionados aos negócios. Esses fatos mostram claramente o significado do WordPress como um serviço de gerenciamento de conteúdo para empresas de todos os tamanhos.

Simplicidade, integração de redes sociais e o grande número de opções de tema disponíveis são as principais razões pelas quais as empresas iniciais e as pequenas empresas preferem o WordPress. No entanto, você precisa manter vários fatos importantes em mente antes de pensar em usar o WordPress para o seu site comercial .

1. A qualidade dos temas .

Milhares de temas gratuitos e premium estão disponíveis para aqueles que planejam criar um site baseado em WordPress para sua inicialização. No entanto, você precisa ter cuidado ao selecionar um tema confiável daqueles disponíveis. O tema deve ser flexível e você precisa ter a capacidade de fazer modificações sem muita dificuldade.

2. Hospedagem .

Este é outro fator crucial quando se trata de criar um site para sua inicialização. Você precisa procurar um serviço gerenciado de hospedagem do WordPress que o ajude a manter seu site em funcionamento o tempo todo. Além disso, eles devem fornecer atualizações e backups regulares.

Relacionado: Os 7 plugins do WordPress que seu site precisa para ter sucesso

3. Escolha seus plugins com sabedoria.

A instalação de muitos plugins no seu site WordPress irá diminuir a sua performance. Adicione apenas os plugins que você usará ativamente e excluirá o resto.

4. Configurando seu site .

Depois de finalizar a instalação do WordPress, você precisa configurá-lo de acordo. Por exemplo, você deve pensar sobre como os comentários são moderados, os permalinks são configurados e outras práticas recomendadas. Isso é facilmente realizado nas configurações do WordPress e deve ser feito durante sua configuração inicial.

5. Interface móvel .

Muitos visitantes do site acessarão seu site através de seus dispositivos móveis, portanto seu site baseado em WordPress precisa de uma interface móvel responsiva que proporcionará uma experiência fácil para os usuários. Os usuários não tolerarão muita irritação contra beliscar e puxar.

Adam Farra, diz: “Pode ser um pouco de tarefa garantir que seu site seja amigável para dispositivos móveis. Mas vale a pena o esforço. Isso ajudará a garantir que seu site seja o mais alto possível nos resultados dos mecanismos de pesquisa “.

6. Segurança .

O WordPress vem com recursos de segurança decentes, mas considere implementar medidas de segurança mais avançadas usando plugins e outras práticas recomendadas para dissipar as ameaças potenciais. Ilia Kolochenko , CEO da High-Tech Bridge, diz: “Eu diria que um CMS popular, como o WordPress ou o Joomla, pode ser considerado seguro na instalação padrão, se eles estiverem configurados corretamente, não têm código de terceiros e são capazes de encontro.”

7. Otimização de mecanismos de pesquisa .

Considere otimização de mecanismos de pesquisa (SEO) para aumentar a visibilidade do seu site no Google e outros mecanismos de pesquisa. Usando as melhores práticas de SEO, juntamente com os plugins do WordPress, como o WordPress SEO, por Yoast, você será encabeçado na direção certa. Além da otimização de mecanismos de pesquisa, é importante usar o novo SEO ( otimização de mecanismo social ) também. Estabeleça uma presença ativa nas redes de redes sociais onde seus clientes gastam mais tempo e você criará rapidamente uma confiança de marca.  Temos a melhor hospedagem para wordpres comece aqui


50 citações inspiradoras para motivá-lo

Grandes orçamentos podem ser inspiradores e motivacionais. Você pode usar citações para ajudar a orientar suas decisões na vida, no trabalho e no amor. Aqui estão 50 das melhores cotações inspiradoras para motivá-lo:

  1. Nada é impossível, a própria palavra diz “Eu sou possível”! -Audrey Hepburn
  2. Aprendi que as pessoas vão esquecer o que você disse, as pessoas vão esquecer o que você fez, mas as pessoas nunca esquecerão como você as sentiu. -Maya Angelou
  3. Se você acha que pode ou acha que não pode, você está certo. -Henry Ford
  4. A perfeição não é alcançável, mas se perseguimos a perfeição, podemos conseguir a excelência. -Vince Lombardi
  5. A vida é 10% o que acontece comigo e 90% de como eu reajo. -Charles Swindoll
  6. Se você olhar para o que você tem na vida, você sempre terá mais. Se você olhar para o que você não tem na vida, você nunca terá o suficiente. -Oprah Winfrey
  7. Lembre-se de que ninguém pode fazer você se sentir inferior sem o seu consentimento. -Eleanor Roosevelt
  8. Não consigo mudar a direção do vento, mas posso ajustar minhas velas para sempre chegar ao meu destino. -Jimmy Dean
  9. Acredite que você pode e você está a meio caminho. -Theodore Roosevelt
  10. Para lidar com você, use sua cabeça; Para lidar com os outros, use seu coração. -Eleanor Roosevelt
  11. Muitos de nós não estão vivendo nossos sonhos porque vivemos nossos medos. – são castanhos
  12. Faça ou não. Não há tentativa. -Yoda
  13. O que a mente do homem pode conceber e acreditar, pode alcançar. -Napoleon Hill
  14. Dentro de vinte anos, você ficará mais desapontado com as coisas que você não fez do que com as que você fez, então jogue fora os bowlines, navegue longe do porto seguro, pegue os ventos de arrasto nas suas velas. Explorar sonhar descobrir. -Mark Twain
  15. Perdi mais de 9000 tiros na minha carreira. Perdi quase 300 jogos. 26 vezes fiquei confiável para tirar o tiro do vencedor do jogo e perdi. Eu falhei uma e outra vez na minha vida. E é por isso que eu tenho sucesso. -Michael Jordan
  16. Esforce-se para não ser um sucesso, mas sim para ser de valor. -Albert Einstein
  17. Não sou um produto das minhas circunstâncias. Eu sou um produto das minhas decisões. -Sephen Covey
  18. Quando tudo parece estar indo contra você, lembre-se de que o avião decola contra o vento, não com ele. -Henry Ford
  19. A forma mais comum de abandonar o seu poder é pensar que eles não têm nenhum. -Alice Walker
  20. O mais difícil é a decisão de agir, o resto é apenas uma tenacidade. -Amelia Earhart
  21. É durante nossos momentos mais sombrios que devemos nos concentrar em ver a luz. -Aristotle Onassis
  22. Não julgue cada dia pela colheita que colhe, mas pelas sementes que você planta. -Robert Louis Stevenson
  23. A única maneira de fazer um excelente trabalho é amar o que você faz. -Steve Jobs
  24. Mude seus pensamentos e você muda seu mundo. -Norman Vincent Peale
  25. A questão não é quem me deixará; É quem vai me parar. -Ayn Rand
  26. Se você ouvir uma voz dentro de você, diga “você não pode pintar”, então, de qualquer forma, a tinta e essa voz será silenciada. -Vincent Van Gogh
  27. Crie seus próprios sonhos, ou alguém o contratará para construir o deles. -Farrah Gray
  28. Lembre-se que não conseguir o que você quer às vezes é um golpe de sorte maravilhoso. -Dalai Lama
  29. Você não pode usar a criatividade. Quanto mais você usa, mais você tem. -Maya Angelou
  30. Aprendi ao longo dos anos que, quando a mente está preparada, isso diminui o medo. – Parques de Rosa
  31. Prefiro morrer de paixão do que de tédio. -Vincent Van Gogh
  32. Um homem verdadeiramente rico é aquele cujos filhos correm em seus braços quando suas mãos estão vazias. -Desconhecido
  33. Uma pessoa que nunca se enganou nunca tentou nada de novo. Albert Einstein
  34. O que é dinheiro? Um homem é um sucesso se ele se levantar de manhã e vai para a cama à noite e no meio faz o que ele quer fazer. -Bob Dylan
  35. Fiquei impressionado com a urgência de fazer. Saber não é suficiente; devemos aplicar. Estar disposto não é suficiente; Nós devemos fazer. -Leonardo da Vinci
  36. Se você quer se levantar, levante alguém. -Booker T. Washington
  37. Limitações existem apenas em nossas cabeças. Mas se usarmos nossa imaginação, nossas possibilidades se tornam ilimitadas. -Jamie Paolinetti
  38. Se você for oferecido um assento em um foguete, não pergunte que assento! Basta seguir em frente. -Sheryl Sandberg
  39. Certas coisas chamam sua atenção, mas perseguem apenas aqueles que capturam o coração. Provérbio indiano antigo
  40. Quando uma porta de felicidade fecha, outra abre, mas muitas vezes parecemos tão longas na porta fechada que não vemos o que foi aberto para nós. -Helen Keller
  41. Tudo tem beleza, mas nem todos podem ver. -Confucius
  42. Quão maravilhoso é que ninguém precise aguardar um único momento antes de começar a melhorar o mundo. -Anne Frank
  43. Quando eu tinha 5 anos, minha mãe sempre me disse que a felicidade era a chave da vida. Quando eu fui à escola, eles me perguntaram o que eu queria ser quando cresci. Eu escrevi “feliz”. Eles me disseram que não entendi a tarefa, e eu disse a eles que não entendiam a vida. -John Lennon
  44. A única pessoa que você está destinada a se tornar é a pessoa que você decide ser. -Ralph Waldo Emerson
  45. Não podemos ajudar a todos, mas todos podem ajudar alguém. -Ronald Reagan
  46. Tudo o que você sempre quis é do outro lado do medo. -George Addair
  47. Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro; A verdadeira tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz. -Plato
  48. Nada funcionará a menos que você faça. -Maya Angelou
  49. Eu sozinho não consigo mudar o mundo, mas posso lançar uma pedra na água para criar muitas ondulações. -Mãe Teresa
  50. O que alcançamos interiormente mudará a realidade externa. -Plutarch

Uma versão deste artigo apareceu pela primeira vez no TalentSmart.com.


10 tendências de mídia social para se preparar para 2018
Poderosas tendências de mídia social que afetam os usuários e as marcas estão se fortalecendo e acelerando.

No ano passado, uma série de histórias significativas envolveu as redes sociais: os usuários atraídos pelo Facebook da Snapchat para o Instagram, o presidente dos Estados Unidos comunicou posições políticas oficiais em 140 caracteres e a Apple anunciou planos para alterar a maneira como interagimos com nossos dispositivos móveis.

No próximo ano, as mídias sociais estão preparadas para criar ainda mais perturbações, uma vez que vários avanços tecnológicos são atualizados e as normas sociais relacionadas à mudança de mídia social. Aqui estão as 10 principais tendências da mídia social para se preparar para os projetos de 2018 próximos.

1. Aumento da realidade aumentada

No primeiro evento hospedado no Steve Jobs Theatre, a Apple anunciou o iPhone 8 e o iPhone X. Ambos os dispositivos incorporam um novo chip que permite que os telefones ofereçam aos usuários experiências extraordinárias de realidade aumentada. Embora a realidade aumentada tenha seu impacto inicial no jogo móvel, é provável que as plataformas de redes sociais encontrem maneiras de incorporar a nova tecnologia também.

Por exemplo, é concebível que o Snapchat ou o Instagram em breve apoiem filtros que permitam que os usuários adotem um selfie com um amigo ou celebridade projetado através da realidade aumentada. Da mesma forma, as marcas poderiam em breve projetar seus produtos nas casas dos usuários de redes sociais através de filtros especiais.

2. Aumento da popularidade de Instagram Stories

Mais de 200 milhões de pessoas usam Instagram Stories a cada mês, que é mais de 50 milhões a mais do que aqueles que usam Snapchat – e Instagram Stories tem apenas um ano de idade! A esta taxa, quase metade de todos os usuários do Instagram estarão usando Stories até o final de 2018. Isso significa que as marcas interessadas em se conectar com os usuários do Instagram devem ter tempo para dominar as Histórias do Instagram .

3. Investimento contínuo no marketing de influenciadores

Mais de 90 por cento dos comerciantes que empregam uma estratégia de marketing de influenciadores acreditam que é bem sucedido. Empresas como North Face, Hubspot e Rolex usam estratégias de marketing de influenciadores baseadas em mídias sociais para se conectarem com novas audiências e melhorar o envolvimento com o público existente.

Este ano vimos que as marcas que optaram por estratégias de publicidade tradicionais lutaram para se conectar a usuários de redes sociais . No próximo ano, é provável que mais marcas adotem marketing influenciado como uma maneira de se conectar com públicos que tendem a ignorar as estratégias tradicionais.

4. Concentre-se na Geração Z

Um estudo recente realizado pela Goldman Sachs concluiu que a Geração Z era mais valiosa para a maioria das organizações do que milenarias. Hoje, o mais antigo Gen Zers tem 22 anos. Eles estão apenas começando a entrar na força de trabalho e terão aumentado o poder de compra por algum tempo.

As marcas começarão a reconhecer isso, e mudarão suas estratégias de mídia social de acordo. Espere grande investimento em plataformas amadas pelo Gen Zers como Snapchat e Instagram.

5. Aumento da participação da marca em plataformas de mensagens

Mais de 2,5 bilhões de pessoas usam plataformas de mensagens globalmente, e ainda assim as marcas ainda estão focadas na conexão com os consumidores em redes sociais puras. Em 2018, espera que as marcas invistam mais tempo e dinheiro na conexão com consumidores em plataformas de mensagens. Inteligência artificial, assistentes de voz e chatbots permitirão que as marcas ofereçam experiências de compras personalizadas em plataformas de mensagens como Messenger, WhatsApp e Kik.

6. Expansão da transmissão ao vivo

O que antes era um novo truque tornou-se uma grande parte das mídias sociais. Hoje, as marcas grandes e pequenas começaram a usar streaming ao vivo para capturar a atenção dos seguidores.

A GORUCK, fabricante de mochilas e organizadora de eventos de resistência extrema, é um exemplo de uma marca de médio porte que cresceu seu alcance por meio de conteúdo convincente no Facebook. Milhares de seguidores sintonizados para assistir uma cobertura de 48 horas de uma recente corrida de resistência .

Em 2018, mais marcas começarão a perceber o poder da transmissão ao vivo e a incorporarão em seus planos mensais de conteúdo.

7. Repensando o Twitter

O Twitter não conseguiu aumentar significativamente os seguidores em 2017. De fato, LinkedIn, Facebook e Instagram têm mais seguidores de redes sociais. Este ano, o Twitter também perdeu o acesso a jogos NFL (Amazon ganhou os direitos ). Em 2018, é provável que a liderança do Twitter tenha como objetivo repensar a forma como a plataforma opera.

As possíveis mudanças no Twitter incluem a venda da empresa a investidores privados, alterando a plataforma para incluir algum elemento de assinatura e / ou renovando opções de publicidade do Twitter, que ficaram por trás de outras plataformas.

8. Hangouts digitais vão mainstream

A Houseparty é uma plataforma de hangouts de vídeo usada por mais de um milhão de pessoas por dia. Ele é utilizado principalmente pelo Gen Zers como uma maneira de sair com amigos digitalmente. A plataforma é tão bem sucedida que o Facebook está investigando maneiras de criar uma funcionalidade similar em sua plataforma.

Já vimos o vídeo tornar-se cada vez mais importante nas redes sociais, e os hangouts de grupos de vídeos ao vivo são uma próxima iteração natural desta tendência. É concebível que, em 2018, o Facebook anuncie um produto similar à Houseparty que vencerá os usuários, assim como a introdução da Instagram em Stories.

9. O Facebook Spaces vai ao mainstream

O Facebook não está apenas interessado em transmissão de vídeo ao vivo; eles trabalharam em um projeto chamado Espaços que foi projetado para permitir que os amigos se conectem no VR. Dado que o Facebook é o próprio Oculus, uma empresa de hardware e software de realidade virtual, não é nenhuma surpresa que o gigante das redes sociais esteja desenvolvendo uma plataforma para usar essa nova tecnologia.

O Facebook está pronto para dimensionar Espaços em 2018. Quando eles fazem, é provável que este seja o primeiro produto de mídia social VR bem-sucedido em escala.

10. As plataformas sociais adotam políticas de governança mais fortes

Após uma série de decisões controversas durante as eleições presidenciais de 2016, as plataformas de redes sociais adotaram uma abordagem mais prática para governar a conduta em suas plataformas. O Facebook recentemente transferiu milhares de anúnciosque parecem estar conectados à intromissão russa, e investiu em novas formas de controle de AI e humanas .

Dada a grande crítica que o Facebook e o Twitter receberam durante 2017, é provável que essas plataformas abraçam códigos de conduta e políticas de governança que protejam as marcas de críticas futuras.

Conclusão

Uma série de novas tendências de mídia social que afetarão os usuários e as marcas estão se fortalecendo e acelerando. É provável que o streaming de vídeo e a realidade virtual irão para o mainstream. Além disso, as marcas se transformarão em plataformas sociais mais recentes, como Instagram e Snapchat, uma vez que o Gen Zers passa cada vez mais seu tempo.

Com o anúncio dos novos iPhones, a realidade aumentada tem a chance de se tornar uma parte das mídias sociais de maneiras inimagináveis ​​apenas alguns anos atrás. Por fim, o Twitter e o Facebook provavelmente ajustarão suas políticas para proteger suas marcas de críticas políticas e fornecer aos usuários melhores experiências online.


Página 1 de 212